Reinfecção

Recentemente viu-se surgir no Brasil casos de reinfecção pelo novo coronavírus. Apesar de raros, estes relatos levantam a seguinte dúvida: pessoas que já tiveram COVID-19 podem pegar novamente a doença? Neste post pretendemos discutir o assunto, trazendo o que há de evidência atualmente sobre o tema.

“”Não tem dados suficientes para reinfecção, nem na literatura médica há algo que diga respeito a isso. Existem casos relatados, mas não tem nada formal.”, completa a infectologista.”

A Organização Mundial de Saúde (OMS) está investigando os casos para entender melhor o comportamento da doença. As diretrizes do órgão indicam que um paciente pode receber alta do hospital após dois resultados negativos para covid-19 realizados de forma consecutiva com pelo menos 24 horas de intervalo. Os estudos atuais apontam que o período entre o início dos sintomas e a recuperação clínica é de aproximadamente duas semanas em pacientes com manifestações leves da covid-19, que representam a maioria dos casos.

Os anticorpos são produzidos pelo organismo por volta do décimo dia de infecção. Em teoria, essa resposta imune deveria ser capaz de impedir novas reações do mesmo vírus durante um tempo ainda indefinido.

Anticorpos específicos para COVID-19

O desenvolvimento da imunidade a um patógeno através de uma infecção natural é um processo de várias etapas que geralmente ocorre ao longo de uma a duas semanas. O corpo responde a uma infecção viral imediatamente com uma resposta inata inespecífica na qual macrófagos, neutrófilos e células dendríticas retardam o progresso do vírus e podem até impedir que ele cause sintomas.

Essa resposta inespecífica é seguida por uma resposta adaptativa, na qual o corpo produz anticorpos que se ligam especificamente ao vírus para combatê-lo. Esses anticorpos são proteínas chamadas imunoglobulinas.

Alguns casos no Brasil têm intrigado os médicos. Pacientes estariam desenvolvendo sintomas e testando positivo para a Covid-19 mais de uma vez, depois de terem sido considerados ‘curados’.

Leia também nosso artigo sobre Coronavírus: Cozinhar bem o Alimento é Eficiente para Proteção